Conheça Tipos de Gastrite

Você tem sentido dores no estômago? Sensação de azia e queimação? Você pode ter gastrite. A gastrite é a inflamação das mucosas que revestem o estômago que causam dor e desconforto. A gastrite pode ter diversas causas, como estresse, alimentação gordurosa, consumo exagerado de café, alcoolismo e uso de anti-inflamatórios (ibuprofeno e aspirina). Tudo isso pode causar a gastrite e é necessário ter cuidado para que a gastrite não evolua para úlcera.

Geralmente a gastrite é tratada com remédios que protegem a mucosa do estômago dos ácidos estomacais, que em excesso corrói, causa feridas e sangramentos. É recomendado procurar um médico especialista para descobrir qual é o tipo de gastrite e qual o tratamento mais indicado.

Mulher com as duas mãos em cima da barriga simulando dor

Sintomas comuns da Gastrite

Alguns sintomas são comuns aos tipos de gastrite, fique atento para o seu caso não evoluir para uma gastrite crônica, úlcera ou até mesmo câncer de estômago.

Os principais sintomas de gastrite são:

  • Dor na região do estômago;
  • Náusea;
  • Vômitos;
  • Azia;
  • Sensação de queimação;
  • Perda de apetite;
  • Hemorragias, nos casos mais graves.

Cada tipo de gastrite pode ter algum destes sintomas e outros sintomas próprios, conheça abaixo os tipos de gastrite e fique atento caso se identifique com algum deles.

Gastrite Enantematosa

A gastrite enantematosa é comum para quem usa frequentemente medicamentos como aspirinas, ibuprofenos e outros anti-inflamatórios, é alcoólatra, quem foi contaminado pela bactéria H. pylori ou quem tem doenças autoimunes. Essa gastrite é diagnosticada via endoscopia e um dos principais sintomas é a vermelhidão da mucosa do estômago. Outro sintoma é a distensão da boca do estômago. Outros sintomas podem surgir até duas horas após as refeições causando dores e desconforto. São eles:

  • Gases e arrotos frequentes;
  • Dor de cabeça;
  • Mal-estar;
  • Falta de apetite.

Mulher branca olhando de forma apática para seu prato de doces

A gastrite enantematosa pode ser tratada combinando o uso de medicamentos antiácidos e antibióticos. Na dúvida procure um médico gastroenterologista.

Gastrite Nervosa

A gastrite nervosa é a gastrite causada por estresse, ansiedade e tensão. Essa gastrite apesar de ser leve também causa a inflamação da mucosa do estômago. Os sintomas são azia e arrotos constantes, além da presença da dor de estômago. Para tratar a gastrite nervosa é necessário identificar o motivo de estresse e tensão e procurar melhorar o controle emocional. Evitar o consumo de exagerado de açúcar e cortar a cafeína durante os momentos de tensão podem resolver o problema.

Este tipo de gastrite pode ser curado através de uma boa alimentação e hábitos saudáveis. O uso de antiácidos também pode ser indicado para evitar a azia e a dor.Procure praticar exercícios físicos para ajudar a controlar o estresse. Atividades como yoga e meditação também podem ser benéficas. Se necessário procure uma terapia para ajudar a tratar da ansiedade. Se os sintomas da gastrite nervosa continuarem persistindo procure acompanhamento médico.

Mulher branca sentada em posição de meditação

Gastrite Crônica

A gastrite crônica é o tipo de gastrite mais difícil de identificar já que não apresenta sintomas claros. É a inflamação gradual da mucosa do estômago e pode durar mais de 3 meses sem apresentar nenhum tipo de sintoma. Conforme a inflamação for se agravando mais comprometido o estômago fica, podendo causar hemorragias e até mesmo úlcera. A gastrite crônica pode surgir pelo excesso de remédios anti-inflamatórios, infecções bacterianas e abuso de bebidas alcoólicas.

O tratamento da gastrite crônica deve ser feito acompanhada de um médico especialista para evitar o surgimento de feridas nas paredes do estômago e sangramentos. O tratamento é baseado em modificações e restrições na dieta, uso de antibióticos e prática de esportes. É recomendado não ficar de estômago vazio para não piorar o desconforto e a sensação de queimação no estômago. Alimentos pesados e fortes como pimentas, bacon e linguiças devem ser cortados da alimentação.

Os sintomas que podem surgir em qualquer estágio da gastrite crônica são:

  • Sensação constante de estômago muito cheio;
  • Pontadas no estômago;
  • Perda de apetite;
  • Digestão muito lenta;
  • Barriga inchada.

Gastrite Erosiva

É a gastrite mais agressiva ao estômago que existe. A inflamação é mais intensa e provoca lesões na região interna do estômago, causando hemorragias e até mesmo úlceras. As causas para a gastrite erosiva podem ser consumo exagerado de café com estômago vazio, abuso de álcool e remédios anti-inflamatórios.

Os sintomas da gastrite erosiva são dores fortes na região do estômago, presença de sangue nas fezes, vômitos também com presença de sangue e náuseas. Para tratar a gastrite erosiva é recomendado evitar uma alimentação pesada, como frituras, refrigerantes, excesso de açúcar e cafeína. Corte a bebida alcoólica e substitua esse hábito pelo consumo de chás. Chás são extremamente benéficos para o estômago e dependendo da planta pode aliviar os sintomas da gastrite erosiva. O chá de espinheira santa por exemplo tem propriedades regenerativas para a mucosa do estômago e alivia os sintomas como dor e desconforto. O chá de alecrim e camomila são calmantes e digestivos.

 

Fontes:

http://www.cidmed.com.br/pdf/gastro04.pdf

http://www.atenas.edu.br/Faculdade/gastrite

http://scielo.iec.gov.br/pdf/rpm/v22n1/v22n1a05.pdf

 

Deixe uma resposta